Facebook Twitter Youtube Google+ Image Map
12 jun 2015

Minas Gerais lidera índices de trabalho infantil doméstico

Arquivado em Cidade

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, IBGE, com base no Censo 2010, apontam que o estado de Minas Gerais apresenta o maior número absoluto de crianças e adolescentes entre dez e dezessete anos que enfrentam o trabalho infantil doméstico no Brasil.

34.699 meninos e meninas trabalham em casas de família e são submetidos a atividades como lavar, passar, varrer, cozinhar, cuidar de outras crianças, e, muitas vezes, enfrentam duras jornadas de trabalho.

Como parte das ações comemorativas do Dia Mundial de Erradicação do trabalho infantil, o Tribunal do Trabalho de Minas Geais (TRT) promove, hoje (12/06), a partir das dez horas, com apoio da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), a distribuição de folder cartilha nas bilheterias da estação central do metrô de Belo Horizonte. O objetivo é mobilizar quem passa pelo local sobre os prejuízos do trabalho precoce na infância.

Neymar Jr. é o protagonista da campanha contra o trabalho infantil da Justiça do Trabalho. Em vídeo divulgado nas redes sociais, o jogador alerta sobre os riscos do trabalho precoce e destaca que criança tem que estudar, brincar e praticar esportes. Veja:

Você deve estar logado para comentar.