12 jun 2018

Coletivo Narradores lança CD no II Encontro Internacional de Narração Artística

Arquivado em Cidade, Comportamento

Coletivo Narradores - Foto Divulgação Acervo Pessoal

No próximo sábado, às 21 horas, no Sesc Palladium (Teatro de Bolso), durante o II Encontro Internacional de Narração Artística, será o lançamento do Coletivo Narradores de Minas Gerais, grupo de 12 artistas da palavra – que compartilham pesquisas e criações artísticas para todas as idades.

O Coletivo foi criado em Belo Horizonte, a partir da vontade de compartilhar as narrativas orais nos espaços públicos e privados, como: praças, bares, cafés, feiras etc. Desde então o grupo tem desenvolvido seus projetos, participando de apresentações, oficinas, mostras, workshops. Esse encontro busca pesquisar e refletir sobre a potência da palavra em suas diferentes manifestações. Possibilita aos seus integrantes a experimentação em variados papéis no processo de construção dos diferentes espetáculos, tais como: direção, produção, registro fotográfico, arranjos musicais, dentre outros.

O Coletivo Narradores apresenta um processo de trabalho diferenciado no que diz respeito à arte e à cultura da narrativa. Participam do grupo: Alessandra Nogueira, Aline Cântia, Bárbara Amaral, Carlos Barbosa, Fernando Chagas, Gislayne Matos, Isaac Luiz, Juliana Daher, Nadja Calábria, Pâmela Machado, Rodrigo Teixeira e Samuel Medina.

II Encontro de Narração Artística

O II Encontro Internacional de Narração Artística é uma oportunidade, por meio da tradição oral, de valorizar e promover a escuta e a palavra. São cinco dias e cinco noites de uma programação intensa e gratuita – para todas as idades. As apresentações terão interpretação de Libras.

[PROGRAMAÇÃO] – 13 a 17 de junho

Abertura da CANDEIA

13/06 – quarta-feira
20:00 – Sesc Palladium (Grande Teatro)

Intervenção Artística: Sérgio Pererê – Cordel O milharal da vovó

Espetáculo: Era uma vez África – Boniface Ofogo (Camarões)
Público: geral

14/06 – quinta-feira
17:00 – Sesc Palladium (Palco do Grande Teatro)
Mesa: A Narração de Histórias como linguagem artística
Participantes: Regina Machado SP e Gislayne Matos BH
Mediadora: Júlia Grillo RJ

20:00 Sesc Palladium (Palco do Grande Teatro)
Espetáculo: Contos da Lua Nova – Regina Machado e Gabriel Levy (São Paulo)
Público: Adulto

15/06 – sexta-feira
10:00
Bate-papo com o grupo de contadores de histórias da Biblioteca Infantil e Juvenil de BH
Local: Biblioteca Pública Infantil e Juvenil de Belo Horizonte

19:00 – Sesc Palladium (Teatro de Bolso
Espetáculo: “A polpa e a semente e o desenho das histórias” – Júlia Grillo RJ

21:00 – Sesc Palladium (Teatro de Bolso)
Espetáculo: Foi Coisa de SACI – Josiane Geroldi SC
Público: Família

16/06 – Sábado
09:00 às 13:00 – Espaço Multiuso
Oficina: Contos e Lendas da África, com Boniface Ofogo (Camarões)
Duração: 04 horas

09:00 às 13:00 – Espaço Multiuso
Oficina: Contos de lugares distantes: estudos e práticas do narrar, com Giuliano Tierno SP
Duração: 04 horas
(Inscrições prévias)

14:00 – Sesc Palladium (Teatro de Bolso)
Evento: Bate papo com Ricardo Azevedo
Abertura: Contadores da Vila, da Escola Municipal Vila Fazendinha

16:00 – Sesc Palladium (Teatro de Bolso)
Mesa: Contador de histórias Contemporâneo, que profissional é esse?
Participantes: Giuliano Tierno SP e Boniface Ofogo (Camarões). Mediação: Josiane Geroldi

Intervenções Artísticas: Fernando Chagas (BH/RJ) e Bárbara Amaral

18:00 – Sesc Palladium (Teatro de Bolso)
Espetáculo: Histórias de muitos mundos com Emilie Andrade, SP
Público: Família

19:30 – Sesc Palladium (Teatro de Bolso)
Espetáculo: O buscador da verdade – Rosana Mont’ Alverne e Eduardo Flores MG

21:00 – Sesc Palladium (Teatro de Bolso)
Espetáculo: Lançamento do CD do Coletivo Narradores – MG

17/06 – domingo
10 ás 12:00 – Mostra Candeia no Rancho da Cultura
Rua José Vaz Pedrosa, 360 – Pompéu, Sabará-MG

25 nov 2016

“Diabetes na Praça” alerta sobre a doença e orienta sobre prevenção

diabetes3Evento terá atrações como food trucks de comidas saudáveis, degustação de doces diet, demonstração do dispositivo que emite alertas em casos de crises de hipoglicemia, mediação de glicose, aferição de pressão, apresentações musicais, palhaços e malabares.

Você sabia que dirigir um carro automático pode levá-lo a engordar até quatro quilos por ano? Que deixar de subir e descer o vidro do seu carro pode levar você a adquirir 360 gramas no mesmo período? E que 80% dos casos de hemodiálises poderiam ser evitados se as pessoas fossem menos sedentárias e tivessem uma alimentação mais saudável? O sedentarismo e o ganho de peso podem ter como consequências o adoecimento por diabetes.

Para alertar o cidadão sobre esses riscos é que neste sábado (26.11), de 10 às 16 horas, na Praça Floriano Peixoto, Bairro Santa Efigênia, em Belo Horizonte, será realizado “Diabetes na Praça – Encerramento do Mês de Prevenção à doença”.

No local estarão disponíveis dez food trucks, com alimentos saudáveis. Também haverá uma tenda, a “Vovó Diet, para degustação de doces sem adição de açúcar, além de atividades lúdicas, com a apresentação de palhaços, malabares, danças, atividades físicas. No estande de prestação de serviços estarão voluntários farão aferição de pressão, glicemia capilar, orientações sobre saúde bucal e atividade física, além da coleta de exames de PSA e DST/AIDS.

Artistas também se apresentarão voluntariamente ao longo do dia. Além da dupla Carlos e Roberta, do cantor Vine Fonseca, haverá aula de rumba e de exercício funcional com o professor Marcílio.

Botão do pânico – Em outra tenda estará será feita a demonstração de um dispositivo de alerta destinado a socorrer diabéticos durante as crises de hipoglicemia. O dispositivo funciona como um botão de pânico. Quando acionado, o emite um sinal que é captado pelo cuidador, pelo familiar ou até mesmo por um serviço de urgência, previamente cadastrados. O dispositivo, criado pelo designer de interação Vitor Moura a partir de uma demanda do deputado Antônio Jorge, foi doado à Associação de Diabetes Infantil, que busca um parceiro privado que produzir o equipamento em escala industrial.

O evento é promovido pela Sociedade Brasileira de Diabetes, Associação de Diabetes Infantil (ADI), Federação Nacional das Associações de Diabetes (Fenad) e tem o apoio do deputado Antônio Jorge (PPS), membro da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), da Associação dos Food Trucks de Belo Horizonte e da UniBH.

Cenário diabetes no Brasil e no mundo – No mundo, segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes, há 422 milhões de adultos diabéticos, dos quais, 14 milhões são brasileiros, número que corresponde a 7% da população total. Neste universo, 46,3% têm diabetes tipo 2 e não sabem que têm a doença. Hoje, 72 mil pessoas morrem por ano no País em decorrência do Diabetes. Estudo conduzido no Brasil, envolvendo mais de seis mil pacientes, mostrou resultados preocupantes: 90% de pessoas com diabetes tipo 1 e 73% de pessoas com diabetes tipo 2 não fazem controle da doença. Amputação, cegueira e problemas de circulação são os danos mais conhecidos. A relação com doença cardíaca e AVC – duas das maiores causas de morte no mundo – aparecem em 11º e 12º lugar em uma lista dos maiores prejuízos.

O diabetes – Trata-se de uma doença crônica metabólica caracterizada pelo aumento da glicose no sangue. O distúrbio acontece porque o pâncreas não é capaz de produzir a insulina em quantidade suficiente para suprir as necessidades do organismo. A insulina promove a redução da glicemia ao permitir que o açúcar presente no sangue possa penetrar as células, para ser utilizado como fonte de energia. Se não tratado, o diabetes pode causar insuficiência renal, amputação de membros, cegueira, doenças cardiovasculares, como AVC (derrame) e infarto.
12 ago 2015

Mundo Senai abre as portas para comunidade

Arquivado em Cidade

senai
Quer saber como é trabalhar na indústria? No MUNDO SENAI , você faz um teste drive! A 7ª edição do evento será realizada nos dias 10 e 11 de setembro, em todo o Brasil.

Você e milhares de futuros profissionais terão a oportunidade de conhecer mais sobre a indústria de Minas Gerais, além de descobrir os caminhos que o SENAI oferece para a melhor formação profissional. O MUNDO SENAI é totalmente gratuito.

São diversas oportunidades de interação para o seu contato com o conhecimento. Você vai poder experimentar o universo das profissões e decidir com mais segurança qual carreira profissional deseja seguir.

Participe de palestras, mostras tecnológicas, minicursos, orientação profissional, visitas aos laboratórios que simulam o dia a dia da indústria e muito mais.

Saiba mais com a Liliane Ribeiro Saldanha, supervisora técnica do Senai-Minas

Mais informações: (31)3422 5045