07 mar 2017

Tribunais de Justiça iniciam semana de ações contra a violência doméstica

Arquivado em Cidade, Comportamento

Violencia-Namoro-2017ACEGIS

Por: Marcelo Brandão – Repórter da Agência Brasil

Teve início hoje em a Semana da Justiça pela Paz em Casa, iniciativa que mobiliza todos os tribunais de Justiça do país. Em sua sétima edição, a ideia é promover palestras, rodas de conversa, capacitações e outros eventos de combate à violência doméstica e valorização da mulher. Em Brasília, por exemplo, as ações começaram com uma palestra  sobre os motivos que levam mulheres a permanecerem em relações violentas, com a professora Laura Frade.

Além de eventos de disseminação de informação e conscientização, o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) fará, na quinta-feira (9), atendimento jurídico na comunidade de Santa Maria, Região Administrativa do DF. A programação completa das ações está disponível no TJDFT. A mobilização nacional foi uma ideia lançada em 2015 pela ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Cármen Lúcia.

Minas Gerais

Em Minas Gerais, além das quatro varas especializadas na Lei Maria da Penha sediadas em Belo Horizonte, todos os juízes criminais que atuam em municípios do interior darão nesta semana atenção especial para os casos de violência doméstica e familiar. Segundo o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), o número de processos no estado que envolvem estes crimes e tramitam em primeira instância dobrou em cinco anos e meio. Em julho de 2011 eram 106 mil e atualmente são 212 mil. Isso significa que cerca de 2% das mulheres mineiras possuem ações envolvendo violência doméstica e familiar. A população feminina em Minas Gerais é de aproximadamente 10,7 milhões.

Na edição da Semana da Justiça pela Paz em Casa de 2016, o TJMG realizou 1.052 audiências. Também foram dadas 1.037 sentenças e determinadas 2.937 medidas protetivas. Somando com as outras duas edições da semana realizadas em 2016 – em agosto e em novembro -, foram ao todo 2.095 audiências, com 2.909 sentenças e 3.118 medidas protetivas.

27 jul 2016

Gentileza e generosidade são atitudes que fluem do amor

Arquivado em Cidade
flavia2

Foto: André Luppi (Estúdio Setenta e Sete)

Gentileza é uma atitude amorosa que alimenta a paz interna e contribui para o bem estar do outro. É uma virtude aliada ao desapego, por isso faz tão bem para o espírito. E o melhor de tudo é o efeito contagiante, inspirando outras pessoas na mesma corrente. E assim construímos a cultura de paz e não violência.

Generosidade deriva do latim generosĭtas e refere-se à inclinação (tendência) para dar e partilhar acima de qualquer interesse ou utilidade. Portanto, é algo que flui do amor.

Veja alguns exemplos. Mas podemos aumentar a nossa lista infinitamente. Os pequenos gestos fazem toda a diferença. Podemos ser gentis e generosos de várias formas, maneiras, estilos e gostos. É uma questão de atitude, ação e coração.

  • Alimentar animais abandonados
  • Reunir amigos para coletar o lixo de uma praça abandonada
  • Evitar sacolas plásticas nos supermercados
  • Doar livros que já foram lidos
  • Doar sangue nos hemocentros
  • Reconhecer o sucesso de um amigo
  • Ser pontual nos compromissos. Se atrasar, avise
  • Prestigiar os talentos dos amigos e dos artistas
  • Ser educado no trânsito, evitando conflitos desnecessários
  • Escutar com atenção as reivindicações dos filhos, dos amigos e dos familiares
  • Deixar o celular no silencioso ou desligado em ambientes com pessoas doentes ou recém nascidos
  • Evitar julgar ou criticar as pessoas em situações de crise, evitando possíveis desentendimentos
  • Valorizar as pessoas que trabalham na limpeza da cidade, na portaria do prédio, no policiamento das ruas.
  • Seja uma empresa que valorize as sugestões e as críticas do consumidor com agilidade e criatividade
  • Contribua para a limpeza de parques e praças
  • Elogie as atitudes positivas do seu companheiro (a) de vida
  • Respeite as limitações físicas e emocionais das pessoas.
  • Inspire fundo. Prenda a respiração 4 segundos. Expire com calma. Dica importante quando estamos dominados pela raiva. Fique calmo e seja feliz, a melhor forma de cultivar generosidade e gentileza no nosso planetinha.

“É com muito amor e carinho que compartilho o vídeo que gravei em homenagem à uma grande amiga que está em tratamento contra o câncer de mama e à todas as mulheres que estão na luta contra o câncer. Meu muito obrigada à todos os amigos que de forma voluntária doaram seu tempo, dedicação e sensibilidade para a realização do vídeo, aos meus familiares e esposo. Que a empatia e a solidariedade estejam presentes em nossas vidas. O vídeo é uma surpresa para minha amiga, que ficará sabendo da transformação em homenagem a ela a partir desta postagem” Flávia Freitas, jornalista

livro Stefano Ferrara

“Minha contribuição para a campanha “Esqueça um livro, espalhe conhecimento” que está acontecendo hoje 25/07! Esqueça” um livro também!” Stefano Ferrara, empresário e apaixonado por animais (Facebook)

daniela

“A minha ideia era só levar alguns brinquedinhos e olha só no que deu!!!!! Muitas e muitas doações pra brinquedoteca do Hospital Infantil João Paulo II. Sem palavras pra agradecer todo mundo que contribuiu! Um gesto tão simples mas que arranca sorrisos e traz alegria pra essas crianças que passam meses e meses internadas aqui. Isso sim não tem preço!!!! Muito feliz!!!! Obrigada a todos!!!” Daniela Kayser, estudante de Medicina, com a ajuda da escola Vespanito

liga da justiça

Projeto Social Liga da Justiça/BH começou com uma brincadeira entre amigos na  Volta Internacional da Pampulha, vestidos de super-heróis. Não demorou muito para que os heróis assumissem a verdadeira missão: levar alegria, solidariedade e amor para quem precisa, principalmente pessoas internadas por algum problema de saúde. A primeira visita hospitalar foi em 2013, no Hospital Militar e, desde então, o projeto só cresce.

IMG_5633[1]

Muro da Gentileza Dona Pequetita, em Vespasiano, Região Metropolitana de Belo Horizonte, no início, serviu como espaço para doações de roupas, sapatos e acessórios. A iniciativa realizada por voluntários cresceu e conquistou a confiança dos moradores. Novas ideias surgiram. O muro, a praça e os bancos, jardins e a iluminação passam por processo de revitalização. O objetivo é deixar a cidade mais humanizada e solidária.

OVO

“Nós que somos da área de marketing e comunicação têm brilho nos olhos quando vivenciamos ações de atenção e cuidado com o consumidor… falhas nos processos podem acontecer, entretanto a conduta da empresa na tratativa de uma queixa por mais simples e menor que seja, faz toda diferença, e precisa ser compartilhado!! Estou encantada com o atendimento recebido!” Kylia Isabela Lopes Cota (Facebook)

noiva

Arquivo pessoal/Reportagem Portal UAI

Buffet dá o cano em casamento e noivos fazem festa com bolo de padaria e copo descartável. Quando o fornecedor não apareceu, os convidados se mobilizaram para comprar salgados, doces e bebidas e garantiram o resto da comemoração.
O grande dia da administradora Raquel Ramos Santana Melo, 31 anos, e do advogado Daniel Carreiro Miranda, 28, foi marcado pela desonestidade de um buffet contratado para o casamento. A data só não foi totalmente estragada por causa da solidariedade de parentes e amigos, que improvisaram o resto da festa. (Portal Uai)
divulgação

Divulgação

Nos Estados Unidos, uma garota estava prestes a completar 11 anos de idade quando se comoveu com a história de um cachorro bem doente. Então, ela decidiu abrir mão de seus presentes de aniversário e pediu que seus amigos e familiares fizessem doações financeiras para ajudar o animal. A adolescente arrecadou 250 dólares. (Fonte: ANDA)

IAB-MG recebe indicações para o Prêmio Gentileza Urbana 2016

O Prêmio IAB-MG de Gentileza Urbana foi concebido, desenvolvido e lançado pelo Departamento de Minas Gerais do Instituto de Arquitetos do Brasil há 22 anos. O objetivo desde então, tem sido estimular iniciativas diversas, tanto de pessoas físicas quanto jurídicas, que contribuem para a melhoria da qualidade de vida urbana.

Podem concorrer as iniciativas reconhecidas e indicadas pelas comunidades, instituições e entidades civis de natureza privada, e também as iniciativas que, mesmo desconhecidas do grande público, configurem-se como “Gentileza Urbana”.

Prazo para indicação: até o dia 15 de agosto de 2016.  Como: preenchimento de formulário eletrônico disponível AQUI. Cerimônia da premiação: 03 de setembro de 2016, às 14 horas, no Museu de Arte da Pampulha, em Belo Horizonte, participação gratuita.

São seis (6) categorias, entre elas: GENEROSIDADE: Praticas cotidianas individuais de pessoas que doam o seu tempo em prol da vida de outrem. Altruísmo, voluntariado, bondade, compreensão da dimensão humana existente na vida social e CIDADANIA: Gestos coletivos ou individuais, voluntários que contribuem para a melhoria da qualidade de vida e a vida a comunitária ressaltando a importância da participação individual ou coletiva na vida das comunidades; Clique aqui para acessar o edital

14 jul 2016

Muro da Gentileza recebe nome de professora e ajuda de crianças

Arquivado em Cidade

IMG_5668

O “Muro da Gentileza” em Vespasiano, Região Metropolitana de Belo Horizonte, já não é mais o mesmo… Acredite, está cada vez mais bonito, solidário e envolve voluntários de várias idades e profissões. As cores tomam conta do cinza do cimento dos bancos e os painéis com pinturas alegres estão sendo ampliados.

Os organizadores da iniciativa prestaram uma homenagem a saudosa professora Maria Natividade Fonseca, conhecida carinhosamente como “Dona Pequetita”, uma mulher antenada nos acontecimentos da cidade, primeira vereadora da cidade e amava participar das atividades culturais, como o Carnaval.

O muro agora é referência em Vespasiano. Todos já sabem o local exato do “Muro da Gentileza Dona Pequetita”, onde “doa quem pode e recebe quem precisa”. “A memória afetiva fez-nos homenagear dona Pequetita, uma senhora que morava em frente à pracinha e que promovia o Baile das Bonecas. Ela deixou uma lembrança formidável”, diz Vanessa Arruda, idealizadora do projeto.

IMG_5680

As crianças deixam um colorido especial no “Muro da Gentileza Dona Pequetita”. É tão bom ver que a corrente de solidariedade envolve várias gerações. Moro em Vespasiano e nunca presenciei uma ação solidária tão bacana promovida pelos próprios moradores. É igual fermento que faz o bolo crescer. A cada momento, novos voluntários aparecem oferecendo ajuda.

13627149_236372726756113_1609059863007435750_n

A professora de Artes Aloma Batista, Vanessa Arruda e outros profissionais que amam a beleza também colocam a mão na tinta e incentivam os voluntários. São as cores da solidariedade promovendo a paz e a união entre os moradores de Vespasiano.

aloma e vanessa

13615511_236372770089442_3724799728534522829_n

As roupas quentinhas e em bom estado chegam de toda parte. Até mesmo sapatos, bolsas e outros acessórios. Os idealizadores pretendem promover, em breve, ações culturais no local. Você também pode ajudar com doações e ideias. Acesse a Comunidade Muro da Gentileza Dona Pequetita no Facebook

Endereço: Rua Alberto Lázaro, em frente ao número 28 – Laboratório São Lucas, Centro – Vespasiano

IMG_5673

Os bancos receberam um colorido especial. O amarelo é a cor que simboliza luz, otimismo e alegria.

IMG_5676

Cada detalhe deixa o local mais agradável e a cidade mais humanizada. Veja que delicadeza.

IMG_5678

A união faz a força. Gentileza gera gentileza… E assim, o mundo fica cada vez melhor. O que você acha?