Posts de Adriana Santos
25 mar 2020

Brasília: começou como um sonho bom e, em abril, completa 60 anos

Arquivado em Uncategorized

No dia 21 de abril de 2020, Brasília será uma sexagenária. São 60 anos de muitas histórias. Fico toda arrepiada só de pensar na energia que vai rolar na terra de todos. Amo tudo isso. Amo, em especial JK, o homem que sonhou e projetou a capital do Brasil. São várias conexões que me unem ao presidente pé de valsa: temos o mesmo sobrenome Oliveira; amamos aviões, somos sonhadores; admiramos profundamente a Polícia Militar de Minas Gerais; acreditamos na humanidade; amamos nossas origens; a minha mãe também foi professora; meu pai também foi militar; pensamos no povo; trabalhamos pela saúde da população… além de outras conexões mais íntimas e indecifráveis – que ainda não consigo entender todas as teias de ligação.

Conhecido como JK, Juscelino Kubitschek de Oliveira  foi prefeito de Belo Horizonte (1940-1945), governador de Minas Gerais (1951-1955), e presidente do Brasil entre 1956 e 1961. Foi o primeiro presidente do Brasil a nascer no século XX e foi o último político mineiro eleito para a presidência da república pelo voto direto.

Kubitschek nasceu nas hospitaleira cidade de Diamantina, Minas Gerais, no dia 12 de setembro de 1902, filho de João César de Oliveira e de Júlia Kubitschek. Seu pai, após vivências no garimpo, foi delegado de polícia e fiscal de rendas do município, embora tenha-se dedicado, primordialmente, à profissão de caixeiro-viajante. Sua mãe, professora primária desde 1898, lecionava no distrito de Palha, percorrendo a pé, diariamente, extensa distância.

Como presidente, Juscelino lançou o Plano Nacional de Desenvolvimento, também chamado de Plano de Metas. Foi o poeta Augusto Frederico Schmidt – conselheiro de JK na Presidência da República – quem criou o slogan “Cinquenta anos em cinco”, que caracterizou o governo de JK e seu Plano de Metas: energia, transporte, alimentação, indústria de base e educação.

JK estudou medicina em Belo Horizonte, formando-se em 1927. Posteriormente, fez pós-graduação e estágio complementar em Paris e Berlim, em 1930, especializando-se em urologia. Após ser nomeado capitão-médico da Polícia Militar de Minas Gerais, serviu como médico durante a Revolução Constitucionalista de 1932, trabalhando junto às tropas mineiras. Sua carreira política começou em 1934, quando foi nomeado chefe da Casa Civil de Minas Gerais. Posteriormente, chegou ao posto de tenente-coronel médico da Polícia Militar de Minas Gerais.

Enquanto médico, em 1931, foi nomeado para integrar o corpo de médicos do hospital militar da forca publica do estado de minas gerais. Em 1932, JK foi capitão-médico na Revolução Constitucionalista.  Em 1938, Juscelino foi promovido a tenente-coronel da Forca publica e nomeado chefe do Serviço de Cirurgia do Hospital Militar

A Polícia Militar teve teve nos seus quadros pessoas como o Alferes Tiradentes e, mais recentemente, o nosso ex-Presidente Juscelino Kubitschek, que era tenente-coronel da Polícia Militar. Passaram pela PM, também, o escritor Guimarães Rosa e o Coronel Fulgêncio, sendo este considerado “herói da corporação”, morto na Revolução de 1932.

Acredita-se que a Polícia Militar do Estado de Minas Gerais é a instituição mais antiga, e uma das mais bem preparadas dentre todas as Polícias do Brasil, com mais de dois séculos de atuação.

20 mar 2020

Alimentação que favoreça a imunidade do organismo é fundamental em tempos de coronavírus

 

Por Monica Vitorino nutricionistamonicavitorino@gmail.com

WhatsApp (31) 9311 4609

Neste momento de quarentena é crucial fortalecer o sistema imunológico, além de garantir a proteção antiviral. Estratégias alimentares simples e eficientes potencializam nossa imunidade e nos protegem diante às adversidades!
A composição dos alimentos e toda sua riqueza de micronutrientes, fibras e compostos fitoquímicos são imprescindíveis na modulação imunológica.

Então, é o momento de adquirir e/ou reforçar pequenos hábitos que fazem toda a diferença:

– Ao acordar, um shot de água com limão, própolis e gengibre. Também vale óleo de copaíba, óleo de coco, cúrcuma e sempre, o poderoso suco verde, rico em clorofila, minerais e fitonutrientes.

– No café da manhã, inserir 1 ou 2 colheres de sopa de aveia ou levedura nutricional aumenta a oferta de fibras betaglucanas que auxiliam na ativação de células natural-killers. Frutas ricas em vitamina C como a acerola e o kiwi associados à fontes de proteínas de qualidade como grão de bico, quinoa, lentilhas que também são sugestões para compor a primeira refeição do dia.

-No lanche da manhã, o mix de castanhas, amêndoas, sementes de abóbora e girassol pela ótima concentração de zinco, magnésio, vitamina E e selênio. Também o chá de gengibre ou equinácea é bem vindo.

– No almoço, vegetais devem ser a base do prato! Busque consumir pelo menos 3 a 5 cores diferentes, com destaque àqueles de cor verde escura pelo teor de folato, magnésio, fibras, ferro, vitamina C e carotenóides.  Azeite ou óleo de coco para cozinhar devido a composição ótima de ácidos graxos.

– À tarde, como suporte antiviral, chás ricos em ácido cafeico como o chá de sálvia ou sabugueiro auxiliam bastante!
-No jantar, apenas alimentos cozidos ou frutas frescas para facilitar a digestão. Sempre muita cúrcuma, alho e cebola pela alta concentração de curcumina e quercetina.

– Na ceia, chás são ótimas opções: camomila, mulungu, erva cidreira.

A nutrição da alma com meditações, muita água para manter a eletricidade do corpo atuante, respiração profunda, banhos de sol sempre quando possível e a certeza de que tudo é passageiro compõem o menu.

19 mar 2020

Para médicos: Webmeeting sobre diabetes, hipertensão e coronavírus

Arquivado em Comportamento, saúde

A Torrent realizará amanhã, sexta-feira (20 de março), às 19h30, um webmeeting dirigido a toda a classe médica do Brasil sobre “Diabetes, Hipertensão e COVID -19”. Nesse momento turbulento pelo qual estamos passando a Torrent entende que é muito importante auxiliar os médicos com a prestação de serviços, dando-lhes acesso a líderes de opinião da categoria e mostrando as mais recentes e confiáveis informações a respeito do coronavírus e seu impacto nos pacientes que sofrem dessas doenças. Os speakers serão o endocrinologista Dr. Carlos Eduardo Barra Couri, pesquisador da Equipe de Transplantes de Células-Troncos da USP de Ribeirão Preto, o cardiologista Dr. Rui Póvoa, professor de cardiologia e chefe do setor de Cardiopatia Intensiva na Unifesp (Universidade Federal de São Paulo) e o infectologista Dr. Benedito Antônio Lopes da Fonseca, da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto – USP.

No webmeeting o Dr. Couri falará sobre o diabetes e o coronavírus e a possibilidade de o diabetes poder aumentar o risco de complicações do COVID-19 em até três vezes, enquanto o Dr. Póvoa abordará o artigo publicado no Journal of Hypertension sobre o uso de anti-hipertensivos durante a pandemia. O Dr. Fonseca, por seu lado, conversará sobre o COVID-19 de modo geral, com ênfase nos casos de risco cardiovascular, respondendo ainda às dúvidas dos participantes sobre a pandemia.
Os médicos interessados em participar do webmeeting devem entrar no link https://bit.ly/2IXDx3o às 19h30 de amanhã (20 de março).

Página 2 de 237123456... 237Próximo