Categoria "acolhimento"
23 out 2019

Conheça o “Quarteto da Felicidade” contra a depressão, mas antes sorria

Arquivado em acolhimento, Comportamento

Muito acreditam que o sorriso sincero abre as portas da felicidade e previne a depressão. Acredito que sim e as pesquisas comportamentais mostram que, além de estreitar as relações interpessoais, somos tomados por uma sensação de bem estar contagiante. Diversos estudos comprovam que o sorriso provoca a dilatação dos minúsculos vasos capilares do endotélio o revestimento interno dos vasos sanguíneos, aumentando a circulação do sangue. Assim que sorrimos, mais sangue e, consequentemente, mais oxigênio chegam ao nosso cérebro e estimulam a produção do quarteto da felicidade ou dos hormônios da felicidade: endorfina, serotonina, dopamina e oxitocina.

Já que a endorfina é considerada a morfina do corpo, uma espécie de analgésico natural. A dopamina, tachada como viciante, é costuma ser descrita como responsável por sentimentos como amor e luxúria. É considerado o hormônio “mediadora do prazer”. A serotonina é um neurotransmissor extremamente importante para a sobrevivência do nosso organismo,  vista como a  ‘mensageira’ do nosso sistema nervoso. Por ser relacionada com o desenvolvimento de comportamentos e vícios maternos, a oxitocina é muitas vezes apelidada de “hormônio dos vínculos emocionais” e “hormônio do abraço”.

O motivo é o condicionamento da mente humana: assim que sorrimos, o cérebro recebe o sinal positivo de que estamos felizes, “de bem com a vida”. Por conseguinte, a produção de endorfina é automaticamente estimulada, o que também contribui para elevar o nosso humor. E se nosso interlocutor sorri de volta por reflexo, o ânimo dele também melhora.

Estudos da Universidade de Oxford (Inglaterra), apontam as vantagens do sorriso. A pesquisa revelou que dar uma boa risada ajuda a reduzir a sensação de dor. O International Journal of Geriatric Psychiatry (Revista Internacional de Psiquiatria Geriátrica), também descobriu que sorrir pode ser usado como complemento no tratamento contra depressão.

“O humor parece ter o potencial de efetivar o alívio da dor, fortalecer a função imunológica, melhorar as emoções positivas, estresse moderado, dissociar-se do sofrimento e melhorar os processos interpessoais”, destaca trecho do estudo.

Por isso, sorrir é o melhor remédio para controlar as oscilações do humor e prevenir a depressão. Veja ainda como melhorar a produção do “Quarteto da Felicidade”:

Sorrir, sempre! Endorfina, Serotonina, Dopamina e Oxitocina

Tomar sol. Aproveitar as manhãs de calor para receber os raios do nosso Astro Rei. Serotonina

Dançar Endorfina

Trabalhar em equipe Endorfina

Cantar no chuveiro Endorfina

Recordar momentos felizes faça um álbum de família). Serotonina

Praticar exercícios aeróbicos, corrida e ciclismo. Serotonina

Definir metas de curto prazo ou dividir objetivos de longo prazo em metas mais rápidas. Dopamina

Celebrar as vitórias. Dopamina

Abraçar. Oxitocina

Presentear e doar. Oxitocina

15 out 2019

Confira a programação ”Outubro Rosa” na Santa Casa de BH

Neste mês de conscientização sobre o câncer de mama, o Grupo Santa Casa BH (GSCBH) realiza diversas ações visando alertar a população quanto à importância dos exames para o diagnóstico precoce da doença. Além disso, a campanha também busca valorizar a conquista das mulheres que venceram a doença e inspirar as que estão passando pela mesma luta.

A questão da vaidade feminina é um dos pontos que são afetados por quem está em tratamento oncológico. A quimioterapia tende a alterar a textura da pele, causar descamação, entre outros efeitos colaterais. Por conta disso, nos dias 23 e 24, pacientes e acompanhantes participarão de momentos de cuidados estéticos oferecidos por consultoras de uma empresa de cosméticos. O objetivo é ensinar a minimizar as sequelas da terapia, melhorar a autoestima e possibilitar elas se mantenham sempre belas!

As funcionárias do GSCBH – que tanto se dedicam às pacientes – também foram lembradas. Os “Dias de Beleza” delas, com maquiagem completa, serão em 15 e 18/10.

A vida após o diagnóstico do câncer

No dia 31/10, a Santa Casa BH realiza o “Seminário Outubro Rosa: A vida após o diagnóstico do câncer”, com a presença de pacientes e profissionais de equipes multidisciplinares. Na programação do evento serão abordados temas como diagnóstico, sexualidade do paciente, qualidade de vida, cuidados paliativos, além de depoimentos de pacientes, entre outros assuntos. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas em http://bit.ly/vidaaposdiagnostico.

Funcionárias ganharão mamografias

Em 2019 a Santa Casa BH completou 120 anos (21 de maio). Como parte das comemorações e dentro da campanha do Outubro Rosa, o GSCBH sorteou 120 exames de mamografia para funcionárias, acima de 40 anos, que não possuem plano de saúde. A oferta dos exames não afetará o atendimento à população, já que as mamografias serão realizadas aos sábados (dias 19/10, 26/10 e 9/11).

A Santa Casa BH tem capacidade de realizar até 50 exames de mamografia diariamente. Entretanto, devido à baixa procura pelo exame nos postos de saúde, o hospital faz, atualmente, cerca de 30 exames por dia. As mulheres com idade a partir de 40 anos devem fazer o exame anualmente. Por meio dele, é possível detectar e diagnosticar precocemente o câncer de mama.

18/10 – “Dia de Beleza” para funcionárias do Grupo Santa Casa BH;

Local / horário: Salão Nobre da Santa Casa BH (Av. Francisco Sales, 1111, Santa Efigênia-BH), das 7h às 17h;

19/10, 26/10 e 9/11 – Exames de mamografia em funcionárias do GSCBH;

Local / horário: Santa Casa BH (Av. Francisco Sales, 1111, Santa Efigênia-BH), das 8h às 17h.

31/10 – Seminário: “A Vida após o diagnóstico do câncer”

Local / horário: Salão Nobre da Santa Casa BH (Av. Francisco Sales, 1111, Santa Efigênia-BH), das 8h30 às 17h

28 ago 2019

Polícia Militar de Minas Gerais realiza semana da saúde, em Sabará

Desde segunda-feira (26/08)  até sexta-feira (30/08), policiais militares participam da 2ª Semana da Saúde do 61º Batalhão, em Sabará, Região Metropolitana de Belo Horizonte. A solenidade de abertura teve a presença do Diretor de Saúde da Polícia Militar Sr. Coronel Welson que enfatizou sobre os importantes trabalhos realizados no Hospital da Polícia Militar e nos NAIS das unidades. Tenente Coronel Mauro comandante do 61º BPM agradeceu a importante presença do Coronel e o homenageou com o troféu do Guardião da Vila Real.

A solenidade prosseguiu com os oficiais da área de saúde qu palestram sobre os seguintes temas: “Periodontia e Implantodontia”, ministrada pelo Major QOS Seabra; “Qualidade de Vida” ministrada pelo 2 º Ten QOS Guenael; e “Comunicação não Violenta”, ministrada pela 2º Ten QOR Silvia.

Ao longo da semana serão realizadas outras atividades como vacinação, medição de pressão arterial, bioimpedância e palestras sobre higienep bucal destinada ao público infantil. E para fechar a semana, a tropa participará de um “aulão” de Aeroboxe comandada pelo Ten Roberto Silva e posteriormente correrão pelas ruas da cidade.

Major Ivana, Chefe do NAIS do 61º BPM, disse que objetivo das atividades da Semana da Saúde é despertar e conscientizar os policiais para o autocuidado. Iniciativas como essas podem resultar no aumento da higidez física e mental da tropa com reflexos positivos na qualidade de vida.

Crédito: Polícia Militar de Minas Gerais

Página 2 de 812345678