Categoria "cabelo"
03 abr 2019

Co-wash: O que é e como usar a técnica que limpa o cabelo sem danificar

Arquivado em Beleza, cabelo, Comportamento

co-wash_o_que_e_e_como_usar_a_tecnica_que_limpa_o_cabelo_sem_danificar

Cabelos cacheados e crespos tendem a ser naturalmente secos. Logo, o uso excessivo de alguns shampoos que prometem limpeza profunda pode ser agressivo a eles. Não raro, há quem opte por reduzir a frequência de lavagem durante a semana a fim de eliminar por completo a oleosidade natural dos fios. A notícia boa é que já existe no mercado um produto específico para cuidar de todos os tipos de curvas, evitando qualquer prejuízo: trata-se do Condicionador Co-Wash.

Sentiu o couro cabeludo ressecado? É hora de ele entrar em ação, limpando com delicadeza, condicionando e definindo o cacheado ou o crespo em um único passo. Vem saber mais!

O que é o co-wash?

Em um esquema dois em um, o condicionador co-wash foi desenvolvido para limpar e condicionar, dispensando o uso de um shampoo. Esse é o caso do Condicionador Co-Wash Curvas Envolventes, de Plant, rico em óleo de macadâmia e livre de sulfato, parabeno e petrolato.

Apesar de homônimos, o condicionador co-wash não deve ser confundido com um condicionador comum. A farmacêutica bioquímica Marcela Buchain explica:

Se ele tiver na composição petrolato – também conhecido como vaselina ou silicone -, parafinas, ceras ou óleos vegetais, como é o caso dos comuns, e for aplicado no couro cabeludo, vai obstruir o folículo. Isso exige o uso de um shampoo de limpeza profunda, que tende a ser agressivo aos fios ressecados.”

Como usar o co-wash?

Prático, o co-wash é usado como um shampoo, ou seja, direto no couro cabeludo. A diferença está na fórmula, que não tende a espumar. Assim que depositado, basta massagear e enxaguar em abundância. A quantidade ideal equivale ao dobro daquela usada para o shampoo de costume.

Não existe regra, porém, na hora de incluí-lo na rotina de beleza. Segundo Clarissa Romeu, pesquisadora e desenvolvedora de produtos Natura, algumas pessoas preferem adotá-lo como único passo na hora de lavar o cabelo. “Já outras sentem a necessidade de intercalar o uso com o de um shampoo tradicional”, diz. Uma ótima opção é combiná-lo com uma máscara de tratamento, caso haja necessidade de turbinar os cuidados.

Para quem o co-wash é indicado?

Como os cabelos cacheados e crespos são mais ressecados que os demais, são eles os mais beneficiados pelo produto. “O shampoo convencional pode reduzir demais a oleosidade natural dos fios. Com o uso do co-wash, isso não acontece”, explica Clarissa.

Marcela o indica também para fios tingidos de loiro e alerta que quem tem caspa ou algum tipo de alteração no couro cabeludo deve evitar e procurar um especialista.

15 fev 2019

Hospital Felício Rocho inaugura banco de peruca para pacientes oncológicos

perucas

Uma parceria entre o Hospital Felício Rocho e a ONG Fio de Luz, irá repaginar a autoestima de suas pacientes em tratamento de câncer. A Instituição acabou de inaugurar um banco de perucas para doar às mulheres que tiverem seu cabelo raspado ao longo do processo de procedimentos oncológicos.

A partir de agora, a paciente do Hospital Felício Rocho que se sentir à vontade para usar uma peruca, pode recorrer ao banco, experimentar, selecionar a sua e levar para casa. É bom ressalvar que se trata de uma doação do material, sem nenhum custo, e não carece de devolução após o término do procedimento.

Cerca de 20 perucas estarão disponíveis para serem experimentadas e doadas, com reposição conforme demanda. Além disso, o Hospital torna-se um ponto para doação de cabelo. Todo o material arrecadado será direcionado para a ONG Fio de Luz e transformado em perucas. Qualquer quantidade de cabelo superior a 20 centímetros é bem-vinda. Para doar, basta procurar o Ambulatório Oncológico, na Rua Aimorés, número 3580, no Barro Preto.

A diretoria comemora mais este feito e reforça seu compromisso com os pacientes. “Para nós do Hospital Felício Rocho essa é mais uma iniciativa que endossa nosso empenho com a harmonia e o bem-estar de nossos pacientes. Enxergamos que pequenos feitos como esses podem contribuir para a o tratamento de pacientes oncológicos, levando a eles mais alegria e um reforço à autoestima. Não medimos esforços nesse objetivo de cuidar bem de todas as pessoas que procuram o Hospital diariamente”, comenta o diretor Dr. Pedro de Oliveira Neves.

Enquanto isso, o responsável pela ONG Fio de Luz, Edimilson Marques Oliveira, fala a respeito da missão desse projeto. “Fazer o bem, faz bem! Quando você ajuda alguém, você se sente melhor do que quem está sendo ajudado. E nós estamos muito felizes com essa parceria porque sabemos da importância dela para que mais pessoas se sintam acolhidas e tenham mais força para enfrentar a doença”, comenta.

Primeiras pacientes

Assim que as perucas estavam disponíveis, algumas pacientes que já realizam tratamento no Hospital Felício Rocho puderam escolher as suas próprias perucas. Tímidas, porém dispostas, uma a uma das mulheres se sentaram diante ao mostruário e aos poucos experimentavam os modelos para conferir o novo visual.

A primeira a provar foi a jovem Samanta Antunes, de 27 anos. Para ela, a iniciativa é um alívio para a autoestima e, também para o bolso, por conta do alto custo de uma peruca. “Quando recebi o diagnóstico fiquei desnorteada. Desde sempre quis usar perucas, mas não sabia onde procurar. Cheguei a fazer alguns orçamentos e não encontrei nada abaixo de R$ 3 mil. É muito dinheiro para quem está enfrentando a doença. Saber dessa parceria entre o Felício Rocho e a ONG Fio de Luz é muito gratificante porque serve de apoio para nós. Sem dúvida a falta do cabelo retira a feminilidade de nós mulheres e hoje, com a minha peruca, vou sair daqui mais feliz”, comenta a paciente.

E por falar em felicidade, a paciente Fabíola Neri, comenta a iniciativa sorridente. “Você joga o cabelo para o lado, joga para o outro. É perfeito! A sensação é a de ter o meu cabelo novamente, nem parece peruca. E também é interessante porque é gratuito. Muita gente não tem dinheiro para comprar uma peruca assim, porque custa em média R$ 4 mil. Sem dúvida que um presente desses, faz muita diferença e levanta muito a nossa autoestima”, reporta a paciente.

Por Rose Leoni/Naves Coelho

 

07 fev 2019

Saiba como evitar o ressecamento dos cabelos e encontrar os produtos certos

Arquivado em Beleza, cabelo, Comportamento

cabelos crespos

Quem tem fios do tipo 4 precisa ficar de olho no ressecamento. Por terem a estrutura dos cachos bem fechada, a oleosidade natural produzida na raiz não alcança todo o comprimento até as pontas. O jeito é investir em hidratação para cabelo crespo com os produtos certos e frequência.

Como já é naturalmente mais seco, tomar alguns cuidados com a lavagem também ajuda a manter o cabelo hidratado por mais tempo. A indicação é de realizar a limpeza duas vezes por semana com shampoo e condicionador específicos para cabelo crespo, como o Shampoo Curvas Envolventes e o Condicionador Curvas Envolventes, ambos de Plant. Pelo ressecamento natural, é melhor escolher produtos hidratantes.

Os cachos bem fechados e espiralados das madeixas crespas, normalmente mais finos e frágeis, pedem atenção redobrada na hora de desembaraçá-los. Prefira pentes de madeira com dentes largos e penteie o cabelo ainda úmido, das pontas em direção à raiz. O condicionador pode servir como um emoliente para desembaraçá-lo no banho, antes de lavar com shampoo.

Depois da limpeza, aplique a Máscara Intensiva Modeladora Curvas Envolventes, de Plant. A fórmula conta com óleo de macadâmia e complexo de ativos que ajudam a definir seus cachos, mantendo-os hidratados.

Uma boa hidratação para cabelo crespo precisa de dedicação e tempo. Monte seu cronograma capilar para manter a constância do cuidado, mesmo com uma rotina corrida. Apesar de ter ação rápida, os produtos são potencializados com truques como toalhas mornas e enluvamento dos fios. Coloque uma quantidade média do creme nas mãos e aplique na mecha da orelha para baixo, evitando a raiz. Faça movimentos repetidos de cima para baixo, sem pentear os fios, apenas alisando-os. Repita por toda a cabeça.

“Para potencializar a penetração dos ativos, durante a ação da máscara, deixe o cabelo envolto em uma toalha umedecida com água morna ou em uma touca de alumínio. Enxágue com água fria e finalize com condicionador para selar as cutículas, enxaguando novamente em seguida”, ensina a dermatologista Gabriela Cunha Capareli.

Os óleos são ótimos amigos do cabelo crespo! Seja como seladores, seja como umectantes, eles ajudam a repor a oleosidade natural. Acrescente o Óleo Nutrição e Brilho, de Plant, na máscara de hidratação uma vez por semana para potencializar o tratamento.

Dicas para finalizar o cabelo crespo

Quanto mais hidratado, mais fácil fica de modelar o cabelo – isso é fato. Para ajudar você na finalização, experimente o Duo Creme para Pentear Ativador e Modelador Curvas Envolventes, de Plant. Produtos hidratantes são os mais indicados para quem quer manter o crespo saudável. E evite aquela lavagem no dia seguinte com o Spray Reativador Umidificador Curvas Envolventes, também de Plant. Devolva a definição aos fios sem recorrer ao banho!

Os produtos acima podem ser encontrados na Rede Natura.

Página 1 de 212