Facebook Twitter Youtube Google+ Image Map
17 jan 2019

Muro do Caso ET de Varginha vai virar tela de cinema e de jogos

Arquivado em Cidade, Comportamento, Ufologia

et

O próximo domingo, dia 20 de janeiro, o Caso ET de Varginha completa 23 anos. Com o intuito de celebrar a data de forma educativa e inusitada, o festival de cidadania Virada Varginha vai transformar o muro do terreno onde teria acontecido a aparição, em uma tela de cinema e para um game virtual sobre o extraterrestre.

O evento, com entrada gratuita e para todas as idades, foi planejado para agregar atrações ao lançamento oficial do filme sobre a edição de 2018 da Virada Varginha, uma vez que a astronomia e a ufologia sempre foram destaques entre as atividades do festival. “Não entramos na esfera da crença do varginhense sobre a veracidade do caso. Temos ciência do misto entre ceticismo e vergonha que envolve o tema, porém é impossível apagar o vínculo entre o ET e a história de Varginha. Nos resta então, utilizá-lo a nosso favor como um instrumento de educação, cidadania e cultura”, explica Diego Gazola, um dos mobilizadores da Virada Varginha.

No início da noite, às 18h45, ciclistas, corredores e caminhantes se concentrarão embaixo da Nave do ET, no centro da cidade, e seguirão rumo ao Muro do Caso. O trajeto escolhido para este passeio terá cerca de quatro quilômetros e será mais uma oportunidade para conhecer e descobrir o potencial da linha férrea como uma via para deslocamentos não motorizados.

Para os que optarem por chegar ao local mais tarde e de forma independente, a partir das 20h será acionada a iluminação cênica, a tela de cinema e a de jogos. O evento será animado pelo DJ Val d’Lucca e no decorrer da programação será fomentada uma roda de debate sobre o Caso ET de Varginha. Durante as atrações será distribuída pipoca para o público.

Programação Completa

Documentário Caso Varginha Minuto a Minuto do Canal João Marcelo; trailer do desenho animado Bugigangue no Espaço, que conta com a participação do ET de Varginha; reportagens históricas de TV sobre o Caso; trecho do filme E.T. O Extraterrestre; e o lançamento do filme sobre a Virada Varginha 2018. Em paralelo, haverá outra tela projetada no muro para se jogar o game virtual ET Adventure 3D.

O terreno, desconhecido pela maioria dos varginhenses, está localizado na rua Benevenuto Braz Vieira, 30, no bairro Jardim Andere, entre as ruas Silvianópolis e Belo Horizonte, a menos de 600 metros do bar Pinga com Torresmo.

Sobre a Virada Varginha 2018

Planejada para mobilizar a população em torno de causas de interesse coletivo, entre os dias 16 e 18 de agosto a Virada Varginha fomentou o debate sobre um novo uso como via não motorizada para a antiga linha férrea. O festival atraiu a sociedade para, literalmente, andar na linha por meio de dezenas de atrações culturais, esportivas e artísticas ao longo dos cerca de 9 quilômetros, entre a Vila Paiva e as margens do rio Verde no bairro Damasco. O trecho urbano da via foi usado durante anos para o transporte de pessoas e cargas e, desde que foi desativada como ferrovia, a região sofre um continuado processo de deterioração.

A Virada Varginha é um festival de cidadania que estimula o uso dos espaços públicos por meio de ações divertidas e, ao mesmo tempo, educativas. O evento, sem fins lucrativos, é mobilizado pela Muda de Ideia e Sakey Comunicação, alinhado com o Fórum Varginha 2050. Em 2018 contou com a parceria estratégica do Sebrae, e com a viabilização pela Pedreira Santo Antônio e Grupo Unis. Recebeu ainda apoio do Moinho Sul Mineiro, da Associação Feminina de Assistência Social (AFAS-Varginha) e da RN.

Mais informações no site www.viradavarginha.com.br e nas mídias sociais Facebook e Instagram.

Você deve estar logado para comentar.