Facebook Twitter Youtube Google+ Image Map
19 nov 2015

Pesquisa propõe aproveitamento da lama de rejeitos da mineração

Arquivado em Meio Ambiente, saúde

separao_lamablocos

Por Danielle Campez/UFOP

O Grupo de Pesquisas RECICLOS-CNPq da Ufop vem desenvolvendo nos últimos anos, diversos trabalhos relacionados aos rejeitos da mineração e a utilização da lama. Essas pesquisas apontam para alternativas que poderiam contribuir para a minimização dos impactos ambientais bem como redução dos riscos potenciais das barragens de rejeitos de minério de ferro.

Segundo o coordenador do projeto, Prof. Ricardo Fiorotti, trata-se basicamente de “soprar” a lama e separar os materiais nela existentes – tanto o material bruto quanto o material processado. Esse processo permite a incorporação de até 80% da lama no lugar de areia na produção de materiais para a construção civil. Os novos produtos são eficientes também do ponto de vista da utilização. O projeto já produziu concreto, argamassa, tijolos e bloco de pavimentação (foto). “Todas essas produções são idênticas ao convencional. A única diferença está na cor, que é avermelhada”, explica o professor.

Com essas pesquisas, a equipe vê uma forma de contribuir com a minimização dos impactos das barragens de rejeitos da mineração e se coloca à disposição para oferecer o serviço de forma gratuita. A ideia é encontrar uma oportunidade de transformar a lama em uma atividade econômica. “Nós não queremos nenhum financiamento. A intenção é beneficiar a sociedade, propondo soluções. Muito é possível se fazer com esses rejeitos”, explica Fiorotti.

  • dilmar

    Em 19.11.2015

    Rejeito TÓXICO fabricando tijolos TÓXICOS.
    ………..BRILHANTE ……………….

  • Vitor

    Em 19.11.2015

    Brilhante deve o ser o Sr. Dilmar, ilustre pesquisador e conhecedor da composição e das propriedades químico-físicas dos perigosíssimos rejeitos radioativos da mineração férrea, praticada no Quadrilátero.
    Vai aí uma dica à UFOP: esqueçam vossa pesquisa. Procurem o PhD. Dilmar. Ele sabe tudo.

  • Eric

    Em 19.11.2015

    Você deve estar falando a respeito de mineração de nióbio ou minério radioativo, nem todo rejeito é radioativo, a exemplo mineração de ferro.

    A matéria se refere a mineração de ferro, ouro ou semelhante é claro ninguem vai “brincar” com material radioativo, basta ter bom senso.

    Pra mim uma boa idéia.

  • Jacob

    Em 19.11.2015

    É possivel sim o aproveitamento economico de diversos tipos de rejeito da mineração.

    Ocorre porém, que o minerador que detem o direito minerario da substancia principal não tem interesse no aproveitamento economico dos rejueitos por motivos obveis.

    Uma das saidas para viabilizar o aproveitamento economico dos rejeitos, evidentemente que inexista na sua composição mateiais toxicos, seria a constituição de cooperativas de mineradores, (caso haja ainda algum residuo mineral), ou cooperativas de reciclagem (sem residuos minerais) para o aproveitamento economico, preferencialmente constituida por pessoas residentes no entorno da mina ou dos reservatórios.

Você deve estar logado para comentar.