18 fev 2019

A ativista da causa animal, Brigitte Bardot, revela: “Sei o que é ser caçada”

Arquivado em Saúde & Literatura
Foto: Leonard de Raemy

Foto: Leonard de Raemy

Uma das mulheres mais cobiçadas do cinema francês dos anos 1950 e 1960,  Brigitte Bardot, hoje com 84 anos, já foi até tema de marchinha de carnaval.

“Brigitte bardot, bardot
Brigitte beijou, beijou
Lá dentro do cinema
Todo mundo se afobou

Bb, bb, bb
Por que é que todo mundo
Olha tanto pra você ?
Será pelo pé ? -não é
Será o nariz ? -não é
Será o tornozelo ? -não é
Será o cotovelo ? -não é (Jorge Veiga)

livro2A musa de todos os tempos trocou o glamour do cinema para defender a causa animal. Já são 46 anos de ativismo.  Ela acredita que foi uma decisão acertada e não se arrepende.  “A maioria das grandes atrizes teve um fim trágico. Quando disse adeus a esse trabalho, a essa vida de opulência e brilho, de imagens e adoração, a busca de ser desejado, eu estava a salvar a minha vida”, afirma Bardot ao The Guardian.

BB, como também se tornou conhecida, conta ao jornal britânico que o mundo das celebridades a sufocava. Ela revela em seu livro de memórias ” Tears of Battle: An Animal Rights Memoir”, lançado em França no ano passado, com a edição em português prevista para abril de 2019, que  lamenta o estrelato e o poder destruidor que exerceu na sua vida e que lhe roubou o anonimato. Bardot disse ainda que sempre  foi tímida, o que, aliado à vida de estrela de cinema, a fazia ficar doente. “No início, gostava que as pessoas falassem de mim, mas rapidamente isso sufocava-me e destruía-me. Ao longo dos 20 anos como atriz de cinema, sempre que uma filmagem começava eu ficava com herpes”, lembra.

A ex-atriz francesa que se tornou uma deusa da sétima arte dedica grande parte do seu livro aos direitos dos animais.  “Os seres humanos magoaram-me. Profundamente. Foi só com os animais, com a natureza, que encontrei a paz.” Ao jornal inglês, Brigitte Bardot garante: “Sei o que é ser caçada.” E dá como exemplo o assédio que sofria quando era uma estrela de cinema mundial e de como os paparazzi a perseguiam. “Eu podia sentir a presença deles”, lembra.

Em Tears of Battle: An Animal Rights Memoir, Bardot aborda o sofrimento dos animais causado pelo homem, que considera ser “fundamentalmente egoísta”. “A maior parte das pessoas não reage a uma causa a não ser que a afete diretamente. Quero que o público fique indignado, saia da zona de conforto.”

*Com informações do Jornal Diário de Notícias de Portugal

13 fev 2019

Máscara esfoliante facial: dicas para conquistar uma pele bem-cuidada

Arquivado em Beleza, Comportamento

mascara
Você já deve ter se perguntado: “Qual é o segredo de uma pele bem-cuidada?”. Pois bem, na lista de cuidados essenciais para o rosto, uma boa máscara não pode ficar de fora. Ela é capaz de reduzir os poros e a oleosidade e ainda contribui para a renovação da pele.

Esse processo fica ainda mais interessante quando o que se tem como aliado é um produto que une máscara e esfoliante, como é o caso da Máscara de Poros, de Faces. “Ela atua de três formas: reduz os poros, diminui a oleosidade e esfolia”, explica Camila Pereira, que faz parte do time de Pesquisa e Desenvolvimento da Natura, uma marca  de beleza que eu confio.

Portanto, reserve já um tempinho para cuidar de você, mesmo depois de um dia corrido, e conquiste já uma pele linda com as dicas que vêm a seguir!

O segredo para cuidar de você

Nossa Máscara para Poros também conta com ácido salicílico em sua composição, que atua na redução dos poros e oleosidade. Sendo assim, ainda prepara a pele para todos os outros produtos que vão ser usados na sequência – um hidratante facial, um protetor solar ou até aquela make mara para curtir com os amigos.

E um detalhe especial: sua fórmula combina dois tipos de partículas esfoliantes naturais. “Uma é derivada do grão de arroz e outra, da semente de damasco. Isso permite que aconteça uma esfoliação física”, explica Camila. Ou seja, além de deixar uma sensação gostosa após o uso, o produto não agride o meio ambiente.

É fácil de usar!

Anota aí que o passo a passo é bem simples. Aplique a máscara em todo o rosto limpo, evitando a região dos olhos. Espere 20 minutinhos para secar. Em seguida, enxágue delicadamente com água, fazendo movimentos circulares.

Nesse momento, você vai sentir as pequenas esferas sobre a pele. São elas que promovem a leve esfoliação. O resultado é certo: pele linda e sedosa!

Como turbinar a esfoliação

Esfolie o rosto uma ou duas vezes por semana, respeitando sempre sua pele. Preste atenção em suas necessidades, notando se, com o uso, ela fica mais sensível, sequinha ou oleosa. A ideia é que ela esteja sempre equilibrada. Qualquer desequilíbrio é sinal de alerta.

Sylvia Ypiranga, dermatologista e assessora do departamento de cosmiatria da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), aconselha a prática para todos os tipos de pele, principalmente, para as mistas e oleosas.

“As únicas que devem evitar são as que apresentam espinhas, lesões inflamadas, psoríase ou vitiligo”, explica a especialista. Ah, se você passou por período de bronzeamento ou em tratamentos anti-envelhecimento também é bom evitar! Portanto, procure um dermatologista antes de aderir.

Complete os cuidados!

Para completar a rotina, inclua no nécessaire outros dois produtos tem-que-ter. O Demaquilante Líquido, de Faces, possui fórmula à base de água para não irritar a pele, que remove as impurezas, a oleosidade e maquiagem. Assim, você pode ousar na make sem medo de errar. Já o Sabonete Gel Para o Rosto, também de Faces, limpa os poros, removendo resíduos de maquiagem, oleosidade e poluição. Um shot de frescor e limpeza em segundos. A sensação é de uma pele fresquinha e revigorada no ato.

07 fev 2019

Kefir: alimento milenar que ajuda no bom funcionamento do organismo e até emagrece

kefir2

Pessoal, estou em lua de mel com meus graõzinhos de kefir. É muito amor envolvido!!! Demorou um pouco, mas finalmente consegui um doador confiável. Vou explicar do que se trata, agora. Fiz uma longa busca por informações, mas tenho consciência de que os meus estudos sobre o assunto ainda devem continuar por algum tempo. A cada dia, novas pesquisas científicas aparecem, comprovando os benefícios de um dos alimentos mais extraordinários descobertos pela humanidade.

O kefir é um leite fermentado a partir de grãos parecidos com uma couve-flor, ricos em lactobacilos vivos e leveduras. O nome se deriva da palavra keif, que significa sentir-se bem em turco. Os grãos de kefir também são chamados de Cogumelos Tibetanos, Plantas de Iogurte, Cogumelos do Iogurte, Fungo do Iogurte e Lotus de Neve. A fermentação desses grãos forma um composto bastante rico em:  ácido fólico, vitaminas B5, B6, B3, B12, vitamina K, biotina, cálcio, fósforo e magnésio, entre outras substâncias. O sabor é bem azedinho, mas você pode controlar a acidez, conforme o tempo de fermentação. Quanto mais tempo fermentando, mais azedo seu iogurte vai ficar.

Há uma tradição milenar de que os grãos de Kefir podem ser apenas doados. A comercialização não é recomendada, embora exista até a versão industrializada em pó.  No site www.probioticosbrasil.com.br é possível obter de graça esses grãozinhos, que se multiplicam rapidamente quando deixados de molho em leite (vaca, cabra e coco) ou em água com açúcar mascavo. Vou deixar apenas a receita do kefir de leite, porque ainda não experimentei a versão com água.

Como preparar o Kefir de Leite 

Use leite de vaca, cabra ou coco
Coloque 1 colher de sopa de grãos de kefir de leite em um vidro esterilizado e adicione 500ml de leite;
Cubra o pote com um papel toalha um pano limpo e permeável para que as bactérias possam respirar e se multiplicar;
Deixe descansar em um lugar fechado, dentro de um armário por exemplo, por 12 a 48 horas. Este é o processo de fermentação;
Quanto mais tempo o kefir ficar descansando, menos lactose ele terá. Pessoas com intolerância a lactose podem consumi-lo. Basta fermentar por mais tempo.
Coar com uma peneira de plástico usando espátula de silicone ou madeira. Na peneira, ficarão os grãos de kefir. A parte líquida pode ser armazenada na geladeira em um frasco de vidro;
Adicione os grãos de kefir que ficaram na peneira em um pote de vidro e adicione mais leite para continuar a produção de kefir.
Com o tempo, você perceberá que as colônias de grãos se tornarão maiores e você pode começar a doar grãos de kefir de leite.

Você pode aprender várias receitas saborosas a partir do leite de kefir, até queijo. Saiba mais AQUI

Benefícios

Rico em proteínas, vitaminas e minerais, tem propriedades antifúngicas e antibióticas, podendo ser uma ajuda na prevenção de vários problemas de saúde. Facilmente se percebe que são muitos os seus benefícios tais como:

Ajuda no equilíbrio da flora intestinal e contribui para a absorção de nutrientes;

Facilita a digestão;

Ameniza as gastrites;

Diminui o colesterol;

Melhora a densidade óssea e combate a osteoporose;

Tem um efeito tranquilizador do sistema nervoso (sendo benéfico para quem sofre de depressão ou distúrbios do sono, por exemplo);

Aumenta a resistência a infeções;

Previne problemas de vesícula, fígado ou rins;

Pode ser usado como tratamento de problemas dermatológicos como acne, eczemas, psoríase ou alergias;

Sintetiza vitaminas do complexo B;

Pode ser indicado para pessoas com ligeira intolerância à lactose;

Ajuda a evitar a candidíase e herpes de repetição;

Auxilia no processo de emagrecimento;

Prevenção de câncer;

Ajuda nos problemas respiratórios: asma, bronquite;

Mantêm pele, cabelos e unhas saudáveis;

Auxilia na construção de músculos, por ser um alimento proteico.

kefirDúvida frequente: Como saber se o kefir de leite morreu?

Grãos que começam a esfarelar na hora do preparo não são bons sinais. Se isso acontecer, coloque-os em uma peneira, passe água filtrada sobre eles e chacoalhe a peneira. Se eles se agruparem, significa que ainda resta esperanças, caso contrário, lamento informar mas realmente o seu kefir está morto.

Quando ele perde a sua consistência normal significa que está em processo de putrefação, está ficando podre, e o melhor será não usar ele para produzir o iogurte. Está na hora de procurar outros grãos.

Outra forma de saber se ele está morto é pelo cheiro desagradável de alimento podre e, também, pela coloração (rosa, amarelo, laranja). Os grãos sadios são sempre branquinhos e com aspecto gelatinoso.

Página 1 de 1912345... 19Próximo