30 jan 2016

Ministério da Saúde recebe inscrições para cursos gratuitos a distância sobre Chikungunya e dengue

Arquivado em saúde, SUS
aedes_dengue_zika

Arquivo/Agência Brasil

CHIKUNGUNYA

Interessantes para todos os profissionais de saúde e para a população, estes cursos são gratuitos e totalmente a distância.

O curso Manejo Clínico de Chikungunya recebe inscrições até 30 de junho de 2016.

Por se tratar de uma doença introduzida recentemente no Brasil, o objetivo é capacitar os profissionais de saúde para que desenvolvam competências para realizar ações de atenção à saúde da população. Dessa forma, o curso aborda as três patologias, a partir do diagnóstico diferencial e respectivos protocolos de atendimento. O conteúdo aponta ainda para a importância da realização da anamnese e exame físico que irão auxiliar no diagnóstico.

É composto por duas unidades. A primeira traz informações sobre a epidemiologia, quadro clínico, diagnóstico, ações de vigilância, organização do serviço de saúde, além de apresentar a importância da educação permanente em saúde.  A segunda unidade aborda casos clínicos, nos quais o profissional poderá refletir sobre a melhor conduta para realizar o manejo de pacientes com suspeita desta doença.

O curso é oferecido pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), integrante da Rede UNA-SUS. A iniciativa é fruto da parceria com a Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS) e Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES), Secretaria Executiva da UNA-SUS e Fiocruz Mato Grosso do Sul (Fiocruz MS).

Público: Médico; enfermeiros; assistentes sociais; fisioterapeutas; psicólogos e cirurgiões dentistas.

Carga horária: 30 horas

Inscrições: AQUI

DENGUE

Já a atualização do Manejo Clínico da Dengue recebe inscrições até 15 de maio de 2016. O curso é fruto da parceria entre a Universidade Aberta do SUS (UNA-SUS) e o Ministério da Saúde, por meio das Secretarias de Vigilância em Saúde (SVS) e de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES). A iniciativa educacional tem como objetivo familiarizar os alunos com as recomendações atuais Ministério da Saúde no que tange o manejo clínico da doença. O enfoque do conteúdo é prático, baseado na análise de casos clínicos.

Em julho de 2015, o curso passou por uma atualização, com a inclusão de mais quatro casos clínicos, novo layout e vídeo que aborda a diferenciação do diagnóstico da febre chikungunya e da dengue.

Carga horária: 10 horas

Público: O curso é aberto para todos os profissionais de saúde de nível superior. É aberto também a demais interessados no tema.

Inscrições: AQUI

26 nov 2015

Sociedade Mineira de Terapia Intensiva oferece gratuitamente treinamento de Ressuscitação Cardiopulmonar

Arquivado em saúde

cardio

A Sociedade Mineira de Terapia Intensiva (Somiti) – departamento científico da Associação Médica de Minas Gerais (AMMG), oferece a comunidade em geral, no dia 26 de novembro, de 16h30 às 19h30, o 7º Treinamento em Massa de Ressuscitação Cardiopulmonar (RCP). As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site:www.somiti.org.br. A campanha teve início em julho e segue com cursos mensais. O objetivo é falar e ensinar os procedimentos de um atendimento precoce e correto de vítimas de parada cardíaca súbita. A reciclagem, segundo normas da American Heart Association (AHA), deve ser feita de dois em dois anos.

De acordo com a AHA, mais de 80% das paradas cardíacas súbitas acontecem fora do ambiente hospitalar e uma porcentagem importante delas (quase 15%), ocorre em vias públicas ou em áreas de grande concentração de transeuntes. Destas vítimas, 92% não sobrevivem. Para a gestora de qualidade da Somiti e coordenadora dos cursos Basic Life Support (BLS) e Advanced Cardiovascular Life Suport (ACLS) da AHA, Maria Aparecida Braga, esses casos são assistidos frequentemente por pessoas que não sabem o que fazer frente a uma situação de emergência e são, na maioria das vezes, leigas e de idades variadas. “Essa estatística pode melhorar se o indivíduo que testemunha uma situação de emergência tem a simples habilidade de aplicar corretamente as manobras de reanimação cardiopulmonar”, comenta a especialista em terapia intensiva.

Segundo a enfermeira e coordenadora do programa de Basic Life Support (BLS) da AHA, Érika Azevedo Massimo, as vítimas de mal súbito são com frequência ativas. A parada cardíaca súbita não precisa e nem deve ser sinônimo de morte. “O fato de haver próximo ao vitimado, pessoas que saibam prestar o primeiro atendimento de forma rápida pode significar a diferença entre a vida e a morte”, reforça.

18 ago 2015

Benefícios da horticultura à saúde integral

Arquivado em Comportamento
horta-em-vasos-horta-em-casa

Imagem: Mundo Horta

Já pensou em cultivar hortaliças, plantas medicinais e temperos em casa ou apartamento? Colher manjericão e tomates para a macarronada de domingo, fazer um refogado de couve e cebolas, uma salada caprichada com alface, pepinos, pimentões e brócolis? Além de ser algo simples, a atividade serve como uma terapia e ainda possibilita uma alimentação saudável. Hummmmm já fiquei com água na boca.

A Cartilha Horta em Casa pode ajudar você com técnicas práticas para plantio, manejo e colheita. A iniciativa da publicação é de profissionais da Universidade Estadual Paulista (Unesp), em Botucatu, em parceria com a empresa Sodexo.

Clique aqui para acessar a cartilha

Falta de espaço não é desculpa!  É só usar a criatividade! Selecionei duas fotos fofas para inspirar você!

horta 3horta 1

Ainda precisa de uma força extra para começar a colocar a mão na terra? Que tal participar de um grupo no Facebook para trocas e doações de sementes e mudas de árvores frutíferas ou não, arbustos, hortaliças, flores e etc, em Belo Horizonte e região? O biólogo Raphael Lima é responsável pela página TUDO MUDA com dicas preciosas e oportunidades de bons contatos.

DICA 

Dica Mundo Horta:  As plantas são seres vivos! Tenha  paciência e perseverança. Pode parecer a dica mais tola que você nunca ouviu, mais muitas vezes é esquecida. As plantas precisam de cuidados. Na primeira tentativa muitas das plantas não vão dar certo e talvez não recolha nem para fazer uma salada. Tente outra vez, pense que coisa fez errado, pesquise e troque idéias com outras pessoas que já plantaram. Aos poucos você aprenderá e melhorará o estado de sua horta orgânica em vasos.

CURSO

Curso de Plantas Medicinais com a Vera Fróes, em Belo Horizonte! No 1º Módulo ela irá abordar o tema Farmácia Caseira, ensinando a reconhecer e utilizar 30 espécies de plantas do “Pronto Socorro Verde”. Vale a pena!

curso horta

Página 5 de 6123456