04 maio 2021

11 alimentos que ajudam no fortalecimento do sistema imunológico do corpo

Alguns alimentos fazem verdadeiras maravilhas no sistema imunológico do corpo, promovendo saúde e bem-estar.  Por isso, na despensa da cozinha da minha casa, não podem faltar produtos que auxiliam o fortalecimento do organismo saudável, principalmente em tempos de pandemia Covid19. No entanto, é bom lembrar: o consumo deve ser diário para que possamos colher os benefícios dos alimentos. Confira a minha listinha:

CÚRCUMA

A cúrcuma é uma benção e milenarmente conhecida por apresentar propriedades medicinais. O principal ingrediente ativo desse alimento é a curcumina, que desempenha efeitos anti-inflamatórios e antioxidantes e contribui para o fortalecimento do sistema imune. Experimente usar no preparo do arroz. Fica uma delícia! Você pode também colocar uma colher de café de cúrcuma em um copo de água com limão. É uma maravilha, principalmente consumido em jejum.

CACAU

Chocolates com 70% de cacau (no mínimo) amenizam os níveis de estresse, inflamação, humor, memória e aumentam a imunidade. O chocolate amargo é o ideal. O cacau é uma importante fonte de flavonóides, substâncias antioxidantes e anti-inflamatórias extremamente potentes à saúde cerebral. Aqui em casa, eu e meu filho consumimos o cacau 100%. São várias formas de consumo, como exemplo: no preparo de bolos e no capuccino.

LIMÃO

Assim como a laranja, o limão é também uma das principais fontes de vitamina C. O corpo humano não consegue sintetizar nem armazenar esse nutriente e, por isso, o ideal é consumir alguma dessas opções diariamente para contribuir com a imunidade. Experimente algumas gotinhas de limão no feijão e na couve. Muito bom!

BATATA-DOCE

Contém uma grande quantidade de betacaroteno, antioxidante que atua no corpo para evitar diversos problemas inflamatórios, já que ele se transforma em vitamina A e é usado para produzir o tecido conjuntivo. A batata-doce possui diversas outras propriedades que auxiliam na saúde geral do corpo, por isso é um dos alimentos preferidos de quem deseja levar uma vida saudável. Experimente purê de batata-doce ou batatas assadas com azeite e cúrcuma.

ALHO

O principal componente do alho é a alicina, que possui ação anti-inflamatória e anti-infecciosa. O ideal é consumir o alimento cru, pois o calor pode desativar os seus compostos, perdendo com isso a eficácia.

PIMENTÃO

O pimentão protege o organismo de infecções. Utilizo sempre pimentões (vermelhos, amarelos e verdes) no preparo de assados de legumes.

GENGIBRE

O alimento contribui muito para a defesa do organismo por conter importante ação bacteriana, assim como as vitaminas B6 e C. O gengibre pode ser consumido em sucos, chás e tempero em alimentos salgados. Experimente gengibre com água morna.

PIMENTA
A pimenta é fonte de betacaroneto, substância que se transforma em vitamina A, nutriente que protege o organismo de infecções.

ÓLEO DE COCO

O ácido láurico e o ácido cáprico, presentes no óleo de coco, tem a propriedade de modular o sistema imunológico, agindo contra fungos, vírus e bactérias. Além disso, uma forma indireta de ele contribuir com a imunidade está na melhora do trabalho do intestino ao eliminar as bactérias ruins.

AVEIA

Os flocos de aveia são prebióticos, pois servem de alimento para as tais bactérias boas do intestino. Além disso, eles contêm betaglucana, uma boa quantidade de proteínas, vitaminas e minerais essenciais. Toda essa composição faz com que a aveia entre para a lista de alimentos que aumentam a imunidade. Prefira os flocos de aveia orgânicos.

AZEITE

O azeite, além de agregar muito sabor às preparações, é rico em diversos compostos, como vitaminas A, D, K e E, capazes de proteger as células sadias, retardando o aparecimento de várias doenças e favorecendo o sistema imune.

Ouça

 

25 jan 2016

Nutricionista esclarece os benefícios da mistura de água com limão em jejum

Arquivado em Uncategorized
suco-limao

Imagem/Google

Tomar um copo de água com 1 limão espremido todo dia de manhã, ainda em jejum, é tudo que precisamos para começar nosso dia bem. A nutricionista Alessandra Feltre indica três motivos para aderir este hábito, que além de simples e prático, pode ser feito com qualquer tipo de limão:

. Ajuda na digestão. O ph do limão, super ácido, é uma ótima forma de estimular a secreção pancreática e biliar, ou seja, estimula a secreção de enzimas e agentes que favorecem a digestão. Assim, o processo digestivo é mais eficiente. Tomar 1 limão espremido antes de refeições como almoço e jantar também é uma ótima estratégia para facilitar a digestão;

. Função antioxidante. O limão possui diversos compostos antioxidantes além da famosa Vitamina C. Estes compostos estão concentrados principalmente na casca do limão. Por isto, quando for espremer um limão, aperte bastante para extrair todos os fitoquímicos benéficos da casca. Eles são ideais para diminuir os radicais livres e manter saúde da pele e prevenindo envelhecimento e doenças;

. Auxilia na função imunológica. O limão possui alta concentração de ácido ascórbico (Vitamina C), uma das vitaminas importantes para manutenção da saúde de sistema imunológico.

O ideal é espremer o limão em cerca de 30 a 50ml de água, que não precisa ser morna. Pessoas com hipersensibilidade a compostos cítricos não devem usar este método. Para ajustes individuais, é importante a orientação de um nutricionista.

Alessandra Feltre - 18-07-2014 (Edy Fernandes) 030(2)

Divulgação/Clínica Speciale