Deprecated: Methods with the same name as their class will not be constructors in a future version of PHP; afcwidget_perfil has a deprecated constructor in /home/saudedom99/public_html/wp-content/themes/temabase_mLuv1.1/functions/widgets.php on line 40

Deprecated: Function create_function() is deprecated in /home/saudedom99/public_html/wp-content/themes/temabase_mLuv1.1/functions/widgets.php on line 103

Warning: Declaration of Walker_Nav_Menu_Dropdown::start_lvl(&$output, $depth) should be compatible with Walker_Nav_Menu::start_lvl(&$output, $depth = 0, $args = NULL) in /home/saudedom99/public_html/wp-content/themes/temabase_mLuv1.1/functions/funcoes-gerais.php on line 52

Warning: Declaration of Walker_Nav_Menu_Dropdown::end_lvl(&$output, $depth) should be compatible with Walker_Nav_Menu::end_lvl(&$output, $depth = 0, $args = NULL) in /home/saudedom99/public_html/wp-content/themes/temabase_mLuv1.1/functions/funcoes-gerais.php on line 52

Warning: Declaration of Walker_Nav_Menu_Dropdown::start_el(&$output, $item, $depth, $args) should be compatible with Walker_Nav_Menu::start_el(&$output, $item, $depth = 0, $args = NULL, $id = 0) in /home/saudedom99/public_html/wp-content/themes/temabase_mLuv1.1/functions/funcoes-gerais.php on line 52

Warning: Declaration of Walker_Nav_Menu_Dropdown::end_el(&$output, $item, $depth) should be compatible with Walker_Nav_Menu::end_el(&$output, $item, $depth = 0, $args = NULL) in /home/saudedom99/public_html/wp-content/themes/temabase_mLuv1.1/functions/funcoes-gerais.php on line 52

Deprecated: O método construtor chamado para WP_Widget em afcwidget_perfil esta depreciado desde a versão 4.3.0! Utilize __construct() no lugar. in /home/saudedom99/public_html/wp-includes/functions.php on line 5304
mercado vegano ◂ Saude do Meio
Notice: Undefined index: imgPadrao in /home/saudedom99/public_html/wp-content/themes/temabase_mLuv1.1/inc/head.php on line 26
16 jul 2015

Mercado vegano aposta na compaixão

Arquivado em Comportamento

vegano

“O princípio da compaixão é o cerne de todas as tradições religiosas, éticas e espirituais, nos conclamando sempre a tratar todos os outros da mesma maneira como gostaríamos de ser tratados. A compaixão nos impele a trabalhar incessantemente com o intuito de aliviarmos o sofrimento do nosso próximo, o que inclui todas as criaturas, de nos destronarmos do centro do nosso mundo e, no lugar, colocar os outros, e de honrarmos a santidade inviolável de todo ser humano, tratando todas as pessoas, sem exceção, com absoluta justiça, equidade e respeito”. Carta Pela Compaixão Por uma nova civilização.

Comecei a postagem com um pequeno trecho da Carta Pela Compaixão porque acredito que a mudança de paradigma para a construção de uma civilização cada vez mais justa e amorosa precisa envolver todos os habitantes da Terra. Por mais que a mudança tenha origem no íntimo de cada ser, o outro sempre vai fazer a diferença. Vivemos em rede. A sua ação desencadeia muitas outras mesmo contra a nossa vontade.

As mudanças são geralmente difíceis e arraigadas de preconceitos e de excessos de ideologias. Abandonar o cigarro para mim, por exemplo, foi terrível. Foram várias tentativas frustradas e muitos apelos dos meus amigos mais queridos e do meu filhote. Já faz um tempão que deixei o cigarro. Fico feliz por deixar meu pulmão sudável e o ar que respiro mais limpo.

Agora estou em outra empreitada. Há quase um ano não como carnes (carnes de boi, frango, porco, peixe ou outro animal). Diminui bastante o consumo de leite e derivados. O queijo canastra ainda é meu fraco.

É difícil a mudança no padrão alimentar, principalmente para as pessoas que comem fora de casa. Meu filho adolescente ainda resiste, mas consegui diminuir bastante o consumo de carnes na minha casa. Não forço a barra ou provoco brigas desnecessárias. Simplesmente ofereço deliciosas opções de alimentos. Aos poucos, ele vai entender que a alimentação viva é mais saudável. Hoje, prefiro mil vezes um churrasquinho de vegetais servido em um barzinho da Savassi, em Belo Horizonte. Um espetáculo!

Enfim, aproveito a oportunidade para listar algumas empresas que também escolheram o caminho da compaixão, deixando a matéria-prima de origem animal de lado.

sapa

Os sapatos da Insecta são coloridos, exclusivos e confeccionados a partir de roupas usadas. A palavra-chave da empresa é reaproveitamento: aumentar a vida útil do que já existe pelo mundo, sempre de modo criativo e descontraído.

Os mais diversos tecidos e estampas daqueles modelitos abandonados viram botas e oxfords veganos, sem nenhum uso de matéria-prima de origem animal.

vega

Para a alegria dos viciados em games e contra qualquer abuso físico, emocional ou ideológico contra animais, uma boa notícia! Foi lançado o tão esperado “Butcher goes Vegan”.

App Store: https://itunes.apple.com/us/app/butcher-goes-vegan-animals/id994940131?ls=1&mt=8

Google Play: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.arvingames.butchergoesvegan
queijo vegano
A Superbom inova o mercado de produtos saudáveis com a linha de queijos 100% vegetais. Queijos tipo muçarela, prato e provolone sem nenhum ingrediente de origem animal, fatiáveis e que, segundo a divulgação da empresa, derretem. Os produtos são os grandes lançamentos e a aposta da empresa para este ano.
creme dentel vegano
A marca Contente reconhece a importância do mercado Vegano. O Creme Dental Contente Plus não contém nenhum ingrediente de origem animal e não foi testado em animais.

milão

Os Produtos Milão não têm componentes de origem animal e são de origem extrativista, ou seja, são a principal fonte de renda de muitas comunidades do Maranhão, Pará, Tocantins e Piauí, entre outros estados.

O sabão de coco é um produto recomendado por médicos para uso com roupas e contato com as mãos de pessoas sensíveis aos detergentes, que são os princípios ativos, petroquímicos, da maior parte dos produtos no mercado hoje. Os Lava Louças e Lava Roupas Milão não contém detergente, seu princípio ativo é o sabão de coco puro.

*************************************************************************************************

“Os humanos imploram a misericórdia divina, mas não têm misericórdia dos animais, para os quais são divinos” Buda

“Cultivar estados mentais positivos como a generosidade e a compaixão decididamente conduz a melhor saúde mental e a felicidade” Dalai Lama

 

Pular para a barra de ferramentas