12 mar 2019

Borboletas brancas renovam a esperança de um mundo melhor

borboleta_branca_numa_flor-wide

Sou uma mulher nascida na década de 70, portanto tenho mais de 40 anos. Escolhi o jornalismo como missão de vida. Tenho um filho adolescente de 17 anos. Ele acha que já é dono do próprio nariz. Será?  Que medo dessa tal liberdade! Já fui casada e vivo, atualmente, um relacionamento afetivo sem grandes pretensões, mas com muita verdade no coração. Amo ler todos os dias. Coleciono vários livros incríveis e acredito que vou escrever algo revolucionário em nome do amor. Quero morrer consciente e convicta que deixei como herança o meu melhor. Coisas de sagitariana! Acho que posso mudar o mundo com a força do pensamento positivo. Vejo sentido em tudo… Para mim, nada é por acaso!  A vida não é um jogo de dados e os sonhos são chaves do grande mistério.

Hoje acordei especialmente estranha. Para falar a verdade, sempre acordo estanha.  Tive sonhos agradáveis, mas muito estranhos. Sonhei com imagens holográficas, gênios da lâmpada, auditório, crianças e um apresentador de programas adorável. Anotei tudo em um pedaço de papel. Tentei interpretar alguns símbolos com a ajuda do Google. Refleti sobre a minha vida atual e fiz algumas projeções futurísticas bem otimistas para o ano de 2019. Pedi ao universo  solução imediata para os problemas que insistem em atravessar o meu caminho. Tenho fé em Deus. Tenho fé na vida.

Finalmente, levantei da cama e resolvi tomar o café da manhã em uma lanchonete próxima ao meu apartamento. Pedi queijo quente e café amargo. Para meu deleite, quando aguardava o lanche matutino, vi duas borboletas brancas sobrevoando umas das ruas mais movimentadas do bairro Floresta, em Belo Horizonte. Sim, acredito em sincronicidade.

Caminhei um pouco em meditação. Na banca, a revista ‘Vida Simples” conquistou o meu olhar. Na capa rosa, a manchete: “Sincronicidade: como as boas coincidências podem nos ajudar a descobrir o que realmente desejamos e apontar novos caminhos para uma vida com mais propósito”.  Puxa, a vida é mesmo uma caixinha de surpresas! Basta acreditar que a resposta sempre está disponível.

Significado de borboleta, segundo o Dicionário de Símbolos

A borboleta é considerada o símbolo da transformação. Entre outros, simboliza felicidade, beleza, inconstância, efemeridade da natureza e da renovação.

Borboleta

A metamorfose das borboletas é simbolizada como: a crisálida é o ovo que contém a potencialidade do ser. A borboleta que sai dele é um símbolo de ressurreição ou pode representar a saída do túmulo.

Os estágios desse inseto (lagarta, crisálida e borboleta) significam respectivamente vida, morte e ressurreição, ou seja, a metamorfose cristã.

Borboleta Branca simboliza a serenidade, a calma, a paz.

Na mitologia grega, a personificação da alma é representada por uma mulher com asas de borboleta. Segundo as crenças gregas populares, quando alguém morria, o espírito saía do corpo com forma de borboleta.

No Japão, a borboleta é o símbolo da gueixa e representa a figura feminina (mulher), visto que está associada à ligeireza, gentileza e graciosidade.

No mundo sino-vietnamita a borboleta exprime a longevidade ou está associada ao crisântemo. O crisântemo simboliza o outono, ou seja, a renovação, uma vez que no outono ocorre a queda das folhas.

Para os astecas e os maias, a borboleta simbolizava o deus do fogo Xiutecutli (conhecido também por Huehueteotl). Esse deus levava como emblema um peitoral chamado “borboleta de obsidiana”, o qual simbolizava a alma ou o sopro vital que escapa da boca de quem está morrendo.

A borboleta no meio das flores representa a alma do guerreiro morto no campo de batalha.

Os Balubas e os Luluas do Kasai, do Zaire central, também associam a borboleta com a alma. Para eles, o homem segue o ciclo da borboleta desde sua nascença até sua morte.

A infância está associada a uma pequena lagarta. Na maturidade, a uma grande lagarta e, à medida que vai envelhecendo, se transforma em uma crisálida. O casulo é o túmulo de onde sai a sua alma, cuja forma é uma borboleta.

Além disso, o seu túmulo seria associado ao casulo, de onde a alma sairá sob a forma de uma borboleta. Por fim, os iranianos e alguns povos turcos da Ásia central acreditam que os defuntos podem aparecer de noite na forma de borboleta.

Na mitologia irlandesa, a borboleta simboliza a alma liberta de seu invólucro carnal, da mesma maneira que na simbologia cristã.

O conto Corte de Etain narra a a história do Deus Miter que se casa pela segunda vez com a deusa Etain, e por ciúmes, sua primeira esposa, a transforma em uma poça de água. Após algum tempo, a poça dá vida a uma lagarta que se transforma em uma linda borboleta.

29 jun 2018

Fake news: notícias falsas fazem mal à saúde

Arquivado em Cidade, Comportamento, opinião, Vlog

fofoca

Notícias falsas sempre existiram, desde que homens e mulheres aprenderam a mentir. Acontece que as novas tecnologias e a diversidade de redes sociais permitem um solo fértil para pessoas que não têm o compromisso com a verdade e acreditam em qualquer tolice. Todos perdem. Os prejuízos são incalculáveis e atingem os espaços públicos e privados, além de afetar a saúde do cidadão. Há pessoas que acreditam em vacina com a finalidade de matar idosos; curas milagrosas contra o câncer e, até mesmo, ovos de plásticos sendo comercializados nos supermercados do Brasil.  É o “Apocalipse da informação”! Fiz uma reflexão sobre o assunto. Veja:

18 set 2016

OPINIÃO Atire a primeira pedra quem nunca foi hipócrita

Arquivado em Comportamento, opinião, Vlog
hipocrisia

Imagem Google

VLOG OPINIÃO, mas antes algumas reflexões:

“Ai de vocês, mestres da lei e fariseus, hipócritas! Vocês são como sepulcros caiados: bonitos por fora, mas por dentro estão cheios de ossos e de todo tipo de imundície. Assim são vocês: por fora parecem justos ao povo, mas por dentro estão cheios de hipocrisia e maldade.
Mateus 23:27-28

“Gostaria de uma sociedade mais justa, menos corrupta, com menos hipocrisia, mais digna, com mais amor ao próximo, menos preconceito, menos rancor e principalmente mais paz na alma”
Albert Einstein

“O diabo pode citar as Escrituras quando isso lhe convém”
William Shakespeare

“Foge por um instante do homem irado, mas foge sempre do hipócrita”
Confúcio

“Está morto: podemos elogiá-lo à vontade”
Machado de Assis

“Se a sociedade não fosse viciada em hipocrisia, a infidelidade seria institucionalizada, você não acha?”
Martha Medeiros