23 out 2019

Conheça o “Quarteto da Felicidade” contra a depressão, mas antes sorria

Arquivado em acolhimento, Comportamento

Muito acreditam que o sorriso sincero abre as portas da felicidade e previne a depressão. Acredito que sim e as pesquisas comportamentais mostram que, além de estreitar as relações interpessoais, somos tomados por uma sensação de bem estar contagiante. Diversos estudos comprovam que o sorriso provoca a dilatação dos minúsculos vasos capilares do endotélio o revestimento interno dos vasos sanguíneos, aumentando a circulação do sangue. Assim que sorrimos, mais sangue e, consequentemente, mais oxigênio chegam ao nosso cérebro e estimulam a produção do quarteto da felicidade ou dos hormônios da felicidade: endorfina, serotonina, dopamina e oxitocina.

Já que a endorfina é considerada a morfina do corpo, uma espécie de analgésico natural. A dopamina, tachada como viciante, é costuma ser descrita como responsável por sentimentos como amor e luxúria. É considerado o hormônio “mediadora do prazer”. A serotonina é um neurotransmissor extremamente importante para a sobrevivência do nosso organismo,  vista como a  ‘mensageira’ do nosso sistema nervoso. Por ser relacionada com o desenvolvimento de comportamentos e vícios maternos, a oxitocina é muitas vezes apelidada de “hormônio dos vínculos emocionais” e “hormônio do abraço”.

O motivo é o condicionamento da mente humana: assim que sorrimos, o cérebro recebe o sinal positivo de que estamos felizes, “de bem com a vida”. Por conseguinte, a produção de endorfina é automaticamente estimulada, o que também contribui para elevar o nosso humor. E se nosso interlocutor sorri de volta por reflexo, o ânimo dele também melhora.

Estudos da Universidade de Oxford (Inglaterra), apontam as vantagens do sorriso. A pesquisa revelou que dar uma boa risada ajuda a reduzir a sensação de dor. O International Journal of Geriatric Psychiatry (Revista Internacional de Psiquiatria Geriátrica), também descobriu que sorrir pode ser usado como complemento no tratamento contra depressão.

“O humor parece ter o potencial de efetivar o alívio da dor, fortalecer a função imunológica, melhorar as emoções positivas, estresse moderado, dissociar-se do sofrimento e melhorar os processos interpessoais”, destaca trecho do estudo.

Por isso, sorrir é o melhor remédio para controlar as oscilações do humor e prevenir a depressão. Veja ainda como melhorar a produção do “Quarteto da Felicidade”:

Sorrir, sempre! Endorfina, Serotonina, Dopamina e Oxitocina

Tomar sol. Aproveitar as manhãs de calor para receber os raios do nosso Astro Rei. Serotonina

Dançar Endorfina

Trabalhar em equipe Endorfina

Cantar no chuveiro Endorfina

Recordar momentos felizes faça um álbum de família). Serotonina

Praticar exercícios aeróbicos, corrida e ciclismo. Serotonina

Definir metas de curto prazo ou dividir objetivos de longo prazo em metas mais rápidas. Dopamina

Celebrar as vitórias. Dopamina

Abraçar. Oxitocina

Presentear e doar. Oxitocina